Educação financeira é caminho para superar crises

Dados da CNC, mostram que o primeiro semestre do ano se encerrou com o maior percentual de famílias endividadas no país desde 2010, atingindo a marca de 70%. Mais do que nunca, a educação financeira se mostra essencial. Pensando nisso, a Sicredi Recife realiza a live “A lógica de ser educado na ponta do lápis”, para falar sobre as vantagens do cooperativismo e reforçar a importância da educação financeira. A transmissão é uma realização do programa Cooperação na Ponta do Lápis e acontece dia 20 de julho, às 19h, no Youtube da Sicredi Recife.

“O orçamento começa a ficar descontrolado quando não é possível saber para onde o dinheiro está indo.” – explica o consultor financeiro da Sicredi Recife, Elias Bispo. Segundo o especialista, é preciso anotar tudo, desde gastos com alimentação até compras pequenas feitas pela internet. Em caso de dívidas com cartão de crédito ou cheque especial, é possível acionar uma linha de crédito mais barata, oferecida pelas instituições financeiras.

“Quando a pessoa recebe o seu dinheiro é preciso fazer um orçamento de receita e despesa. Eu ganho X e tenho Y quantidade de gastos fixos. Mas nessa equação fica faltando um ponto importante, quanto eu estou pagando a mim mesmo?”, questiona Bispo, em referência aos investimentos pessoais, pois um bom planejamento financeiro tem na sua composição uma reserva de emergência, como um investimento.

FORÇA DAS COOPERATIVAS – Durante a organização das finanças, uma dica é identificar seu perfil de investidor e escolher uma instituição financeira segura e com boas taxas. Uma cooperativa financeira pode ser uma boa escolha nesse momento, pois possui a solidez e segurança como qualquer outra instituição financeira tradicional, mas como uma vantagem: os associados decidem como devem ser usadas as sobras financeiras.

“As cooperativas, diferente das instituições financeiras tradicionais, não têm uma finalidade de lucro, então elas podem disponibilizar taxas mais convidativas para quem aplica e para quem toma o dinheiro emprestado. Os associados também recebem as sobras, ou seja, as economias da cooperativa, de forma proporcional e ponderada a movimentação financeira de cada um. É uma ótima escolha optar por uma cooperativa financeira, pois saber lidar com suas próprias finanças é um modo de promover também qualidade de vida”, finaliza o consultor financeiro.

Deixe seu comentário

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon