Gente & Negócios: Crédito e investimentos no final de ano – Revista Algomais – a revista de Pernambuco
Gente & Negócios

Gente & Negócios

Rafael Dantas

Gente & Negócios: Crédito e investimentos no final de ano

Sicredi Recife capitaliza linha de crédito para pagamento do 13º salário

O 13º salário é uma das grandes despesas de fim de ano das empresas. Para reforçar o caixa e auxiliar a folha de pagamento dos funcionários, a Sicredi Recife disponibiliza uma linha de crédito especial para o 13º salário, específica para pessoas jurídicas. A carência é de até 60 dias e limite é de até R$ 1 milhão. “Com a retomada das atividades econômicas, as empresas precisam do apoio para continuarem ativas e crescendo. A Sicredi Recife chega junto nessa hora para apoiar e capitalizar os empresários”, explica Sóstenes Cavalcanti, gerente de Desenvolvimento de Negócios da Sicredi Recife. A linha de crédito está sujeita à análise de crédito e é exclusiva para associados PJ que recebem produção na cooperativa. O capital está disponível até o dia 30 de dezembro desse ano.

Os associados da Sicredi Recife que são cooperados da Coopanest-PE, Unimed Recife e Uniodonto contam ainda com a linha de crédito 13º Produção Médica, que são destinados a profissionais liberais que exercem suas atividades sem vínculo empregatício. A linha pode chegar a 100% do valor referente à média de produção dos últimos 6 meses. A carência é de até 60 dias para pagamento da primeira parcela e limite de R$ 80 mil, sujeito à aprovação.

.

Finacap eleva nota de avaliação de risco

A Finacap Investimentos, gestora pernambucana com 24 anos de atuação no mercado financeiro, elevou sua nota no rating de gestão feito pela SR Rating. Em nova avaliação, obteve avaliação G2-SR, sinalizando melhoria na sua performance, já considerada boa. A nota G2 -SR, que faz parte de uma escala de cinco itens, indica que a gestora é bastante segurança. Em relatório, a SR Rating diz que a empresa opera com fatores de proteção fortes ou satisfatórios, tendo os riscos internos de gestão muito baixos e a vulnerabilidade ao ambiente externo bastante reduzida. Antes, em estudo feito em agosto de 2018, a Finacap tinha o risco situado em G3-SR. A escala de risco utilizada vai do nível G1 ao G5, sendo o primeiro a referência máxima de segurança.

Os principais fatores a serem considerados na classificação da qualidade de gestão da Finacap, segundo a avaliadora, decorrem da experiência profissional de seus principais executivos alinhada à estrutura operacional e do estabelecimento de sólidas políticas e controles no processo de investimentos, compliance, ampliação de programas de transparência ao investidor e mecanismos de dupla checagem. Atualmente, a gestora possui um patrimônio sob gestão de aproximadamente R$ 936 milhões, volume 45% superior ao observado em agosto de 2020.

.

Movimento Pró-Pernambuco ganha espaço em conselho para desenvolvimento econômico e social do Recife

O Movimento Pró-Pernambuco, grupo liderado pelo empresário Avelar Loureiro Filho, terá seis assentos no Conselho Estratégico de Desenvolvimento Econômico e Social do Recife (Cedes/Recife), criado pelo prefeito João Campos como estratégia para superar os desafios impostos pela pandemia na capital pernambucana.

“A criação de um conselho desse nível, que reúne representantes de vários setores econômicos, é um verdadeiro marco para nossa sociedade”, destacou Avelar, que há mais de um ano lidera o MPP, criado em meio à pandemia para mediar as demandas de mais de 30 entidades empresariais junto ao governo estadual durante o período de restrições impostos pelo avanço da Covid-19 em Pernambuco.

Deixe seu comentário

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon