Sport desperdiça chance de vencer Corinthians

*Por Houldine Nascimento

A Arena de Pernambuco, definitivamente, não é um mando de campo ideal para os clubes do estado. É diferente ter 29 mil torcedores lá e a mesma quantidade de pessoas na Ilha do Retiro, por exemplo. O time visitante não se sente tão incomodado atuando em São Lourenço da Mata. Nesse domingo (20), a diretoria do Sport decidiu levar o duelo com o Corinthians para a Arena de Pernambuco.

Embora superior na maior parte do jogo, o Leão respeitou demais o adversário paulista, cheio de reservas, e só empatou por 1 a 1. Com as ausências de Marlone e Fellipe Bastos, que pertencem ao Corinthians, o técnico Claudinei Oliveira pôs três atacantes: Rogério, Gabriel e o estreante Rafael Marques, que variavam de posição. Além deles, o meia Everton Felipe flutuava vez ou outra pelos lados.

A iniciativa não surtiu efeito num primeiro tempo morno, com poucas oportunidades de abrir o placar. A mais clara foi uma finalização de Rogério, após sair na cara do goleiro Walter, que cresceu e impediu o gol. O Sport trocava muitos passes, mas não era “vertical”, deixando de agredir o rival, cuja preocupação maior era a permanência de Fábio Carille no comando técnico.

O Rubro-negro foi castigado aos nove minutos da segunda etapa. Após cobrança de escanteio, o centroavante Roger, campeão da Copa do Brasil pelo Sport, cabeceou forte e marcou o primeiro gol com a camisa corintiana. Diante do revés, Claudinei decidiu tirar Everton Felipe, em tarde infeliz, e colocar Carlos Henrique, um atacante de área. A mudança foi um grande acerto. Aos 18, Rogério fez o que quis pela direita com o lateral Juninho Capixaba, tocou para Carlos Henrique, que, de bico, chutou cruzado, empatando o jogo.

A igualdade no marcador animou a torcida rubro-negra, que voltou a incentivar o time. No entanto, o resultado se manteve até o fim do confronto. Michel Bastos e Deivid ainda fizeram a estreia pelo Sport. O 1 a 1 deixa o Leão do Recife provisoriamente no 11º lugar do Brasileirão com oito pontos. Já o Corinthians segue entre os três primeiros, com 11.

Deixe seu comentário

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon