Tambaú Alimentos completa 60 anos com olhar para o futuro – Revista Algomais – a revista de Pernambuco
Gente & Negócios

Gente & Negócios

Rafael Dantas

Tambaú Alimentos completa 60 anos com olhar para o futuro

Uma das referências regionais do setor de alimentos está completando 60 anos. A Tambaú, com sede em Custódia, no Sertão, comemora a longevidade dos negócios no mês de aniversário do seu fundador, Gerson Gonçalves. Com mais de 500 empregos diretos na cidade e arredores, a marca celebrou esse momento com o lançamento da nova campanha publicitária com o mote “Há sessenta anos, se tem família, tem Tambaú”, assinada pela BG9 e com uma festividade reunindo diretores, familiares, funcionários e ex-colaboradores na fábrica.

Desde a partida do pai e fundador do negócio, nos anos 2000, é a segunda geração da família que comanda a empresa: Hugo, Iuri e Maura. Os netos também já estão integrados na gestão.

“Chegar aos 60 anos é, de fato, uma conquista muito importante para nós, principalmente por sermos uma empresa criada aqui no Brasil. Mas eu atribuo essa longevidade a vários fatores. Desde a construção da marca, o modo  de operar, a atenção com o consumidor e com a qualidade desde o início. Houve também fatores extremamente adversos que nos trouxeram muito aprendizado e experiência, contribuindo para nossa solidificação como empresa. Somos uma agroindústria em uma região do semiárido nordestino. Enfrentamos estiagem, escassez de água e de matéria-prima. Mas todos esses desafios nós superamos, ao longo do tempo. Meu pai, seu Gerson, também deixou ensinamentos importantes, como o respeito aos consumidores, aos parceiros e aos fornecedores, assim como às leis trabalhistas e tributárias, sendo tudo isto um grande legado da sua gestão. Ele também fez questão de ensinar para os filhos sobre a importância da união da família, gerando entre nós, seus filhos, uma sintonia espelhada na terceira geração, que já atua conosco no negócio ”, conta Hugo Gonçalves, atual presidente da Tambaú.

Do início simples, com a produção e venda de pirulitos, à empresa sexagenária com um mix diversificado de produtos, a Tambaú sempre teve a capacidade de se reinventar e buscar a inovação. Em 1967, após cinco anos de funcionamento, a fábrica de doces de seu Gerson foi destruída em uma enchente que atingiu Custódia. O empreendedor não desistiu do seu sonho e reconstruiu a empresa, além de ampliar, cada vez mais, sua linha de produtos. A distribuição, que antes se limitava à região onde a fábrica estava localizada, passou a atender também interior de estados como Piauí, Paraíba, Maranhão e Bahia. Em 1987, a empresa começou a produzir também os atomatados, com lançamento dos extratos e molhos, além do catchup, um dos carros-chefes da marca atualmente. As inovações nos tipos de embalagem e nas receitas também se destacam nessa trajetória.

A empresa visa manter nos próximos anos um alto patamar de crescimento, ampliando suas áreas de produção e armazenamento, assim como sua atuação em outras regiões do país, como centro-oeste e sudeste. Mesmo na pandemia a marca viu o aumento nas suas vendas de 35% em 2020 e 12% em 2021. A retomada de investimentos também aconteceu em 2021, com a inauguração de um galpão de logística na fábrica e a aquisição de novas máquinas. Atualmente com 120 itens diferentes no catáligo, a marca trará em breve no seu mix de produtos novas linhas de maionese e conservas. A recente criação de uma transportadora é outra novidade empresarial, que nasceu tanto para atender as necessidades da própria Tambaú, como para prestar serviços para outras corporações.

Deixe seu comentário

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon