Bruna Caram estreia show no Recife – Revista Algomais – a revista de Pernambuco

Bruna Caram estreia show no Recife

Por Yuri Euzébio

“Recife,/Terra salgada/Gente doce/Não é minha casa/Mas é como se fosse”. Essa linda declaração de amor em forma de poesia foi retirada de um dos inúmeros versos escritos pela cantora, atriz, poeta e escritora paulista Bruna Caram. Nos preparativos para chegar no Recife e fazer o show de estreia da turnê de seu mais novo disco, “Alívio”, uma gentil e cativante Bruna atendeu a coluna para um papo leve e descontraído como parece ser sua própria maneira de levar a vida.

Entre sorrisos e poesia, a artista, que espera seu primeiro filho, esbanjou bom humor e simpatia, mas também a firmeza de quem tem certeza do caminho que está trilhando. “Eu nasci no Recife nos meus sonhos. É verdade, eu venho há muitos anos já pro Carnaval e na primeira vez, eu vim sozinha e sem conhecer ninguém, mas saí completamente apaixonada”, recordou. “Na época eu ia lançar ainda o meu primeiro disco e desde então, eu venho fazer show aqui. Eu comemorei a cada ano, cada show que eu fiz, cada momento e pra mim é muito emblemático começar na cidade que, fora de São Paulo, eu tenho meu maior público e que sempre me recebe de braços abertos como se eu estivesse em casa”, celebrou entusiasmada.

Nesse novo projeto, Bruna aposta mais uma vez na sua produção autoral como compositora, assinando seis das nove músicas do álbum, produzido por André Moraes. Mesclando uma gama diversa de influências, a cantora se consolida como uma das grandes letristas da sua geração. “Sempre meus parceiros foram grandes influências até porque eles me ajudaram a sair do armário como compositora. Então devo muito a gente como Chico César, Zeca Baleiro, Roberta Sá e vários outros”, explicou.

O disco é permeado pelos ritmos brasileiros que fizeram parte da formação musical da musicista como xote, baião, choro e maracatu. Em “Alívio”, Bruna transmite a ideia da cura pela música. “Eu digo que o disco não se chama “Paz”, porque paz é como se estivesse tudo tranquilo, o alívio é quando se tem uma tormenta, quando se consegue apaziguar depois de um furacão”, resumiu a “cantatriz”. “Há tempos que eu acredito que a música, e a arte no geral, tem o poder de instruir as pessoas, de conscientizar e de dar coragem a quem ouve”, ponderou a multiartista.

Segundo a cantora, apesar de estar mergulhada em seu novo disco, seus outros projetos continuam firmes. “O meu lado atriz está muito vivo, eu exercito muito no palco, fazendo shows. Quanto à parte da literatura, esse ano eu vou lançar um livro novo, meu segundo de poesia”, anunciou. “ E com certeza eu ainda vou trabalhar muito como atriz. Alguns projetos eu não pude abraçar esse ano, porque a música me tomou por completo”, continuou. “Eu voltei a ser preparadora vocal também, abri uma empresa em São Paulo, que chama Cor e Voz, onde eu atendo outros artistas também como Emicida, Rashid, o Rael, Marcelo Jeneci”, explicou.“Justamente por eu ser a minha própria empresária, de ter a minha própria empresa, foi o que me abriu as portas pra eu poder organizar melhor e a cada momento olhar melhor pra cada uma das artes que formam o meu todo”, detalhou consciente. “Isso me deu condições de fazer teatro no palco, lançar o livro, lançar o disco e lançar uma pessoa no mundo”, pontuou bem-humorada.

Desde o Carnaval que passou por aqui ainda na juventude, Bruna faz questão de manter uma estreita e forte relação com Pernambuco e não pretende se desvencilhar disso nunca, fazendo parte de seus planos uma aproximação ainda maior “Além de gostar muito das pessoas daí e de admirar muitos cantores e compositores, eu acho o cinema pernambucano incrível”, destacou. “Como atriz eu tenho muita vontade de fazer cinema, muito antes de fazer novela que é uma coisa digamos pop e, se fosse em Pernambuco, seria melhor ainda”, desejou. “Eu tenho uma ligação com São Paulo, eu acho que nós nos complementamos, mas eu não imagino o que seria do Brasil sem Pernambuco. Eu só me aproximo e agradeço sempre”, concluiu. Esse colunista é quem agradece o privilégio e a oportunidade de conversar com uma figura tão solar e artística quanto a cantora paulista e tenho certeza que Pernambuco também se envaidece com tão encantadora fã.

SERVIÇO
Lançamento cd “Alívio” de Bruna Caram
Teatro Apolo – Hermilo
Hoje, 20/09/2019
21 horas
Ingressos: R$ 40 e R$ 20 meia entrada

 

 

Deixe seu comentário
anúncio 5 passos para im ... ltura Data Driven na sua empresa

+ Recentes

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon