População ocupada cresceu 33 mil pessoas em Pernambuco – Revista Algomais – a revista de Pernambuco

População ocupada cresceu 33 mil pessoas em Pernambuco

Os dados do segundo trimestre de 2019 divulgados neste dia 15 de agosto pela PNAD mostraram uma gradativa taxa de crescimento em Pernambuco. A taxa de desocupação no Estado caiu 0,9 ponto percentual em relação ao mesmo período do ano passado. Por sua vez, a população ocupada cresceu de 3.480 milhões de pessoas no 2º trimestre de 2018, em Pernambuco, para 3.513 de milhões no 2º trimestre de 2019, também mantendo a tendência recente de recuperação. A população ocupada cresceu em 33 mil.

O número de desocupados retraiu-se entre o 2º trimestre de 2018 (707 mil pessoas) e o mesmo trimestre de 2019 (671mil), também mantendo a tendência recente de retração. Nos últimos três anos, dentro da série histórica em análise, este é o melhor resultado dos meses de abril, maio e junho.

Os resultados são consistentes com as estimativas de crescimento do PIB, divulgadas para o 1º trimestre de 2019, quando a economia pernambucana evoluiu à taxa de 1,2% contra 0,5% da média nacional, ante o mesmo trimestre de 2018, de acordo com dados da Agência Condepe-Fidem /IBGE.

A taxa de desocupação no Estado recuou de 16,9% no 2º trimestre de 2018 para 16,0% no segundo trimestre de 2019, mantendo a tendência recente de queda nessa base de comparação. Nesse contexto, a população desocupada também retraiu-se entre o 2º trimestre de 2018 (707 mil pessoas) e o mesmo trimestre de 2019 (671mil pessoas), também mantendo a tendência recente de retração.

Em Pernambuco, o setor de informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas, tiveram uma variação positiva de 14,6% em relação ao mesmo período do ano passado. Transporte, armazenagem e correio também tiveram variações positivas de 11,6%.

Os dados do PNAD mostram que, em relação ao mesmo período do ano passado, Pernambuco foi o terceiro da Região Nordeste onde houve um maior recuo na desocupação. Estados como o Maranhão e Paraíba, por exemplo, não tiveram a mesma oportunidade. No Maranhão, a taxa neste segundo semestre cresceu 0,2 pontos percentuais e, na Paraíba, 1 ponto percentual.

(Do Blog do Governo de PE)

Deixe seu comentário
anúncio 5 passos para im ... ltura Data Driven na sua empresa

+ Recentes

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon