Santa bate o Sport e salta na frente na briga pela final do Nordestão

O guerreiro time tricolor bateu o leão da Ilha do Retiro pelo placar de 2 a 1 na primeira partida das semifinais da Copa do Nordeste. A eliminação para o Salgueiro no Pernambucano parece que não abalou os corais, que equilibraram o jogo diante do Sport e foram cirúrgicos nas oportunidades de gol. O atual campeão da Copa do Nordeste pode até perder por 1 a 0 na segunda partida para garantir a classificação para mais uma final. Aos rubronegros será necessário bater o Santa Cruz por dois gols de diferença para passar de fase.

Os gols foram de Léo Costa e de Halef Pitibull, pelo Santa Cruz, e de Diego Souza, de pênalti pelo Sport. Além dos goleadores, destacaram-se no time tricolor o goleiro Jackson, que foi escalado no lugar do titular Júlio Cesar, e o lateral Vitor. Destaque também para o atacante André Luiz que entrou muito bem no segundo tempo.

O equilíbrio em campo é um contraste do que vivem os rivais fora das quatro linhas. Os rubronegros tem uma folha salarial nove vezes superior à coral. Além disso, o Santa Cruz tem enfrentado com certa frequência problemas com o pagamento dos salários. A partida de volta das semifinais acontece na próxima quarta-feira, às 21h30, no Arruda.

Alta Temperatura. A Copa do Nordeste esquentou definitivamente na sua semifinal, com dois clássicos estaduais. Na partida baiana, o Vitória venceu o Bahia também por 2 a 1. Com os quatro clubes entre os times de maior torcida da região, o público nos estádios é de abrilhantar a competição.

Polêmica. A comemoração de Pitibull vai dar o que falar. Respondendo a provocação feita por Diego Souza numa partida do Campeonato Pernambucano, em que o rubronegro imitou a comemoração do atacante coral, Haleff comemorou sobre o escudo do Sport à margem do campo de jogo, na Ilha do Retiro.

 

Deixe seu comentário
anúncio 5 passos para im ... ltura Data Driven na sua empresa

+ Recentes

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon