Cantor Anderson Freire abraça campanha para ajudar doentes de fígado

Considerado um dos principais ícones da música gospel brasileira, o cantor e compositor Anderson Freire gravou um depoimento em apoio a campanha solidária “Seja um amigo da APAF e não deixe a APAF fechar”. Em vídeo publicado nas redes sociais da Associação Pernambucana de Apoio aos Doentes de Fígado (APAF), localizado em Santo Amaro, no Recife, o artista que é mantenedor de alguns projetos no Brasil e costuma apoiar causas sociais, reforçou a necessidade do funcionamento do espaço e que os serviços oferecidos não podem parar.

“Ela [a APAF] tem 18 anos atuando no Brasil, e as circunstâncias vem para fazer parar, mas você pode ser alguém que pode motivar a continuar. Seja você um motivador da APAF. Seja você alguém que investe na APAF, alguém que abraça a camisa e transpira a APAF”, reforçou Anderson Freire, ao encerrar o vídeo cantando a música raridade, uma das suas mais conhecidas composições e recorde de sucesso em reprodução.

Com quase 2 mil composições, Anderson é autor de músicas que foram gravadas por grandes nomes da música gospel no Brasil, como “Ressuscita-me”, interpretada por Aline Barros, “Sou Humano” e “Advogado Fiel”, de Bruna Karla, “Não é Tarde”, interpretada por Fernanda Brum, além de “Tempo”, gravada recentemente por Luciano Camargo. Cassiane, Damares, Davi Sacer, Jozyanne, e Gisele Nascimento, são outros artistas do gospel brasileiro que tem músicas de autoria do cantor capixaba. Vencedor do Grammy, a principal premiação do mundo da música e com sete álbuns autorais, Anderson Freire tem 10 anos de carreira solo.

https://www.instagram.com/p/CMUfjUwBTyO/

CONTATOS

Quem desejar falar com os voluntários da associação, pode fazer contatos através do telefone (81) 3184.1244 ou (81) 9 8894.7939. 

 

COMO AJUDAR A APAF?

ASSOCIAÇÃO PERNAMBUCANA DE APOIO AOS DOENTES DE FÍGADO – APAF

CNPJ: 04.833.011/0001-03

Banco Santander: Agência: 4020, Conta Corrente: 13000011-8

Chave PIX: 04.833.011/0001-03

Deixe seu comentário

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon