Parque Capibaribe abraça o bairro das Graças – Revista Algomais – a revista de Pernambuco

Parque Capibaribe abraça o bairro das Graças

O novo passo do Parque Capibaribe será abraçar o bairro das Graças. Após a inauguração bem sucedida do Jardim do Baobá, serão iniciadas as obras da segunda fase do parque, que se estenderá por 950 metros na margem esquerda do rio. A nova etapa compreende o trecho entre as pontes da Torre e da Capunga.

O avanço do parque, chegando agora no bairro das Graças, promete promover novas áreas verdes livres, além de aproximar as pessoas do rio, incentivando assim hábitos de vida mais saudáveis e sustentáveis. No projeto estão passeios compartilhados para pedestres e ciclistas. Seja de bike ou a pé, a nova estrutura vai encurtar as distâncias entre até as escolas e estabelecimentos comerciais do bairro. Soluções urbanísticas criam espaços de integração com o rio, através de passarelas que percorrem as margens e píeres que permitem o acesso de pequenas embarcações.

As vias para automóveis, de baixa velocidade, permitem o escoamento do fluxo interno do bairro para as ruas de distribuição do trânsito, favorecendo a co-presença de modais com segurança. Novas áreas de estar são propostas tanto para contemplação do público, como para recreação de crianças e adolescentes.

O Parque se expande para além da borda do rio, com infiltrações na Rua das Pernambucanas e na Rua Dom Sebastião Leme, com a diminuição de estacionamentos para carros, aumento de calçadas com área verde e criação de bicicletários. O projeto propõe uma experiência aprazível de mobilidade para pedestres e ciclistas em uma margem contínua à beira rio, inclusive com passagens seguras por baixo das pontes da Capunga e da Torre. Em uma segunda etapa, é prevista a construção de uma passarela sobre o rio, para pedestres e ciclistas, que irá promover a articulação entre as margens, tornando menor a distância entre os bairros das Graças e da Madalena.

O lançamento do edital de licitação foi feito pela Prefeitura do Recife em dezembro de 2016 e publicado no site da gestão municipal no último dia 25, no Diário Oficial do município. A previsão é de que a obra seja iniciada no primeiro semestre de 2017 e tenha duração de 18 meses. O processo licitatório é realizado pela URB – Empresa de Urbanização do Recife com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Pavimentação disponibilizados pelo Ministério das Cidades.

O Parque Capibaribe no bairro das Graças é fruto de um convênio inovador estabelecido entre a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e a Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade. Dentro do convênio, o INCITI – Pesquisa e Inovação para as Cidades, grupo transdisciplinar da UFPE, elaborou soluções de projeto ouvindo a associação de moradores e desenvolvendo eventos locais com residentes e usuários de todas as idades.

(Informações do Inciti)

Deixe seu comentário
anúncio 5 passos para im ... ltura Data Driven na sua empresa

+ Recentes

Assine nossa Newsletter

No ononno ono ononononono ononono onononononononononnon